Sábado, 12 de Setembro de 2009
Quem tem razão???

 

Hoje na minha ida às compras a VRSA, na rotunda de António Aleixo, ia eu no passeio, quando um carro conduzido por um homem (será que era? ou seria alguma cavalgadura?)

pára à espera que os carros que tinham prioridade passassem, mas infelizmente nem todos cumprem as regras de transito e não faziam pisca...

O condutor quando ia para avançar, vinha outro carro e nada de sinal... e outro...e outro e nada, quando de repente o homem dá um murro no volante e solta palavrão atrás de palavrão e...finalmente consegue avançar com uns modos ao volante e com uma velocidade tal que...não sei se iria acudir a algum fogo, como se diz na minha terra.

Afinal quem tinha razão? eu penso que apesar da má educação era ele, pois ninguém fazia sinal que ia ou não contornar a rotunda.

Haja Paciência...

 

Ó valha-me Deus já não há termos, não há civismo, não há educação.

Onde será que vamos parar????????


sinto-me:

publicado por Maria às 21:07
link do post | comentar | favorito
|

3 comentários:
De Fisga a 13 de Setembro de 2009 às 11:24
Olá amiga Maria. Uma coisa eu sei, a amiga Maria tem razão. Sabe quando as pessoas são surdas, temos mesmo que lhes berrar junto dos ouvidos. Eu se mandasse no ministério dos transportes, mandava lançar uma campanha de sensibilização, para que as pessoas abrissem o sinal, sempre que é preciso, e mais importante, o abrissem atempadamente, e não como muitos, que o abrem depois da manobra já iniciada. E mandaria por cartasses, junto dos cruzamentos, rotundas e entroncamentos. Fazendo o seguinte aviso: A partir da data X todos os condutores que não fizerem o respectivo sinal e em devido tempo se forem vistos a faze-lo, serão multados em X, e a partir da data mencionada nos cartazes, começar a andar a vigiar esses locais, fazendo uso do prometido. Um beijinho eduardo


De Maria a 13 de Setembro de 2009 às 21:16
Olá fisga

Realmente as rotundas fizeram para ajudar a fluir o transito, só que nem todos os condutores sabem fazer o sinal e por vezes fazem-no mal


De Fisga a 14 de Setembro de 2009 às 11:34
Olá Maria. é uma pena, que não nascer-mos com o instinto de respeitar-mos os outros, e de sermos brilhantes exemplos de educação. Esse instinto havia de ser tão forte e tão real, como o instinto sexual, ou o instinto de chorar. Para que nos sentíssemos impelidos a pô-lo em prática sempre que nos cruzamos com o nosso semelhante. Infelizmente assim, não acontece. Beijinho Eduardo.


Comentar post

O que sou? O que não sou.Sou como sou.
posts recentes

Blog do meu coração

Canção de Embalar

TXIIIIIIIIIIIIII

Aniversário

Sonhei...Sonhei

OK

?????

Finalmente

Mariana

Quando um homem se põe a ...

links

Ocaso... Ao Acaso...
Ocaso... Ao Acaso...


Selo

(Usa Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)
online
as minhas fotos
blogs SAPO
subscrever feeds