Segunda-feira, 14 de Setembro de 2009
Por esse País fora

 

 

Quem passeia por esse País fora, em qualquer lugar seja grande ou pequeno, encontra sempre qualquer coisa de belo ou então vice versa, que em vez de belo nos chama a atenção pelo seu abandono ou desleixo.

Neste caso foi em Mangualde.

Depois de ter chegado à cidade, tendo passado por algumas rotundas, em que os autarcas, primam por ornamentá-las mais ou menos a condizer com a cidade ( outras ficam cheias de erva), chego ao Rossio penso que era este o nome, sim senhor muito bem cuidado, tanto a relva como as plantas que ornamentavam os canteiros.

De um lado alguns cafés, casas comerciais, mas estava bonita, gostei de ver.

Passo para o outro lado do Rossio e deparo-me com dois edifícios, o que me pareceram de gente abastada (talvez), pela sua estrutura, arquitectura, sua fachada coberta de mosaico, mas...coitada em plena degradação.

Outra feita ainda de granito certamente também de alguém com posses, mas ambas ao abandono.

Estamos em tempo de eleições, Ó Sr. Autarca não será possível dar uma mãozinha áquelas casas? Olhe que é uma pena deixar cai-las, certamente que deve haver aí em Mangualde, alguma instituição a precisar de uma sede.

Ou só depois de elas estarem completamente em ruínas é que vão recuperar?

Para não pensarem que estou a exagerar eis as fotos.

           

 

                 



publicado por Maria às 13:47
link do post | comentar | favorito
|

3 comentários:
De Fisga a 14 de Setembro de 2009 às 17:04
Olá amiga Maria. Gostei de ler o seu reparo feito ao abandono a que são postas essas duas aparentemente belas casas se estivessem cuidadas, não serão as únicas em Viseu certamente. Mas assim sendo, eu aconselho-a a que não venha a Lisboa, à parte velha da cidade, ou se vier, não traga a câmara fotográfica. Se vier e trouxer a câmara fotográfica, traga também uma tenda e tempo para fazer o trabalho bem feito. (Nota) bem sei que Lisboa é um pouco maior que Viseu, mas valha-me Deus. Um beijo. Eduardo.



De Maria a 14 de Setembro de 2009 às 23:42
OlÁ Fisga

Realmente é uma pena , não se cuidar destes edificios.
Tenho reparado que poe exemplo na vizinha Espanha mesmo nas aldeias mais reconditas quer os monumentos quer casas estão recuperadas, aqui neste País é o que se vê...


De Fisga a 16 de Setembro de 2009 às 17:12
Olá amiga Maria. É assim: Nós só somos comparáveis a nós mesmo. Seja no que for, e os nossos desgovernantes sabem isso muito bem, que se alguém viaja bastante, eles são um dos que viajam e vêem, mas fazem de conta que não vêem. Um beijo Eduardo.


Comentar post

O que sou? O que não sou.Sou como sou.
posts recentes

Blog do meu coração

Canção de Embalar

TXIIIIIIIIIIIIII

Aniversário

Sonhei...Sonhei

OK

?????

Finalmente

Mariana

Quando um homem se põe a ...

links

Ocaso... Ao Acaso...
Ocaso... Ao Acaso...


Selo

(Usa Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)
online
as minhas fotos
blogs SAPO
subscrever feeds