Domingo, 30 de Maio de 2010
"Nuvem Negra "

Numa casa portuguesa, numa família portuguesa, viviam felizes os seus moradores.

Mas eis que de repente se aproximou da dita família uma " nuvem" ( como se sabe as nuvens nunca são de bom pronuncio).(Por vezes umas dissipam-se outras transformam-se numa grande tempestade catastrófica).

A " nuvem " que se aproximou da casa, veio logo carregada de "energia  negativa".Foi crescendo, foi escurecendo, foi-se transformando numa nuvem ameaçadora, de uma tempestade tremenda, daquelas que só ouvimos ou lemos no Gigante Adamastor.

Não foi preciso muito tempo, logo ao fim de 3 anos de se ter aproximado da " Família Portuguesa", começou mostrando o temporal que com ela vinha carregado. Infelizmente " a tempestade " vinha para durar, durou  mais 3 anos ,malditos 3 anos, mas não ficou por aí a tempestade, durou ainda mais 3 anos, tendo sido estes últimos a pior tempestade que já se viu.

Mas como diz o povo e é verdade, depois da tempestade vem a Bonança. E a Bonança chegou pela mão de " Rosa Flor".

"Rosa Flor", chegou e com todo o seu amor e paz  conseguiu afastar de vez a "nuvem negra e ameaçadora" que teimava em não deixar em paz a "família portuguesa".

 

"Rosa Flor" com todo o seu amor, também conseguiu que este post, fosse mais benevolente, para com a "nuvem negra e ameaçadora"

Espero que " Rosa Flor" continue emanando todo o seu" perfume" de paz e amor.

"Rosa Flor", conseguiu, limpar o ódio que me consumia o coração.

 

 

 

 

 



publicado por Maria às 00:04
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Sexta-feira, 8 de Janeiro de 2010
Foi há 43 anos

 

Faz hoje 43 anos. O dia estava muito frio. Mas o calor do amor que nos unia, fazia com que não sentissemos o frio.

Ainda hoje, o mesmo frio e o mesmo calor do amor, nos une e não nos deixa sentir o frio.

Se voltasse atras e soubesse o que hoje sei, voltaria a casar com quem casei há 43 anos.

Obrigado Amor.

 

                

 


sinto-me:

publicado por Maria às 14:17
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

Domingo, 18 de Outubro de 2009
Hoje é dia 18 de Outubro

 

"Estou muito cansada às vinte horas acabou de nascer o meu primeiro filho, chama-se Nuno Miguel."

 

É um bébé muito lindo...

Há, parece que foi hoje, mas este momento já foi há 42 anos.

Pois é o meu bébé já tem 42 anos é um amor de filho, já me deu muitas alegrias.

É o meu Físico de investigação.

Está longe em Braga, onde é Professor na Universidade do Minho.

Logo de manhã cedo falámos com ele, mas é sempre um dia em que a alegria não está completa, pois gostariamos de estar com ele, neste dia tão importante para nós, mas a vida é onde nós temos o emprego.

 

Para ti filho querido mais uma vez PARABÉNS e muitas FELICIDADES.



publicado por Maria às 20:14
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Quarta-feira, 12 de Agosto de 2009
Ao Acaso

Era nova e bem mimada,

E muito bem criada,

Por muitos amada,

Por muitos bem querida,

E muitos desejada.

Por muitos a desejarem,

Ela resolveu um dia,

A sua escolha fazer,

Deixou Pedro,Paulo e João,

E entregou seu coração,

Àquele que ainda não sabia,

Se era correspondida,

Mas valeu a pena esperar,

Para saber a decisão,

Se havia amor no seu coração,

Carinho e amor tinha para dar,

Àquela que havia de ser sua amada.

Assim com tanto amor,

Ainda vivem juntinhos,

Aqueles dois bem amados.



publicado por Maria às 16:30
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Quarta-feira, 15 de Julho de 2009
Como é bom amar

Ai como é bom amar,

Ao sair de casa,

Ter um sorriso,

A nos saudar,

A casa chegar,

Um Beijo para nos dar,

Sabermos que esse sorriso,

É fiel e verdadeiro,

Sabermos que à nossa espera ficou,

Que para o relógio olhou,

Para saber se muito tempo faltava,

Para novamente beijar,

Aquela que é sua amada,

Não são só os novos que amam,

Amor é de todas as idades,

Desde que seja verdadeiro,

Ai como é bom Amar.


sinto-me:

publicado por Maria às 11:36
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Quarta-feira, 18 de Fevereiro de 2009
Não estava à espera

 

Este foi um comentário feito no meu blog ao tópico
 
"Rosa Flor "
 
 
De Sílvia Mendes a 18 de Fevereiro de 2009 às 10:33
 
Espero não a ofender
Com esta minha ousadia
Rosa não me imagino ser
Mas sinto imensa alegria

Alegria por saber
Que ao ser Rosa seria flor
Pois mais bela não parece haver
Neste jardim do amor

Amor tenho para dar
Este tesouro quero conquistar
Compreensão espero ter
Promessas não vou fazer

A sua ferida procurarei sarar
Ele acalma a minha dor
Juntos neste nosso amor
Espero muitos frutos vir a dar

E sem mais me alongar
Me despeço com carinho
Muito haverá para falar
Neste novo caminho

Sílvia Mendes
 
Esta é a minha resposta ao comentário
 
Tamanha surpresa hoje tive,
Ao ver tão belo poema,
Respondendo ao meu tema.
Chorei...não me contive...
 
Ofendida não podia ficar,
Com a sua ousadia,
Pois tive tamanha alegria,
Que meu coração ficou a pular.
 
"Rosa" poderá não ser
Mas, será a mais bela  "Flor"
Pronta a emanar um belo " ODOR"
Num novo jardim a nascer...
 
Espero não ficar zangada,
Por ser chamada Rosa Flor
Pois foi com muito " calor"
Que foi assim " baptizada"
 
Para ti "Rosa Flor "
 

sinto-me: sinto-me no Sol, Feliz
tags: , ,

publicado por Maria às 12:52
link do post | comentar | favorito

Sábado, 14 de Fevereiro de 2009
Dia de S. Valentim

 

Dia de S. Valentim dia, dos Namorados, quando eu era menina e em tempo de namorados, não havia, nada disto, nem corações a voar nas montras, nem publicidade, enfim...vamos então falar um pouco dos namorados...,

 

Hoje os parques,  jardins, cinemas, centros comerciais , ruas, enfim...em todo o lado, onde houvesse um par de namorados, lá estavam eles enlaçados, abraçados, beijando-se, trocando caricias, promessas de amor eterno...enfim, tudo oque há de mais maravilhoso no amor...tal como...

 

amo-te, vais ser a única/o amor da minha vida, nunca te deixarei, vais ser minha a vida inteira...um sem numero de frases ilidicas...troca de prendas...de caricias...quantas delas não passam do dia de hoje...amanhã haverá choros e lágrimas, o amor deu deu lugar ao ódio...que pena as promessas que se fizeram , não sejam realmente eternas...porque o Amor é lindo e devia ser eterno...



publicado por Maria às 22:19
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Sábado, 24 de Janeiro de 2009
Amor...

 

 

O AMOR É COMO O DINHEIRO, É CHOCALHEIRO

Anda de roda em roda, sem saber onde poisar

Quer poisar, na mais bela" flor "que encontrar

Para poder amá-la, toda a sua vida inteira...

 

 

 

 

 


sinto-me: contente

publicado por Maria às 22:36
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quinta-feira, 8 de Janeiro de 2009
Foi há 42 anos...

 

 

 

 

Era Domingo, não fazia tanto frio como hoje, mas no outro dia estava tudo nevado e o mais interessante é que Gaia estava nevada, a Av. República estava nevada de um lado e do outro não, curioso não era?!?!

 

Em Coimbra jogava a Académica com o Sporting, o Benfica jogava em casa, o Porto não sei...

...mas continuando foi há 42 anos que estes jovens unidos por um grande amor, resolveram unir as suas vidas e fizeram-no para sempre, e ainda hoje continuam unidos pelo mesmo amor

 

Há 42 anos éramos assim...

 

                  

 

E Hoje... assim, mas unidos pelo mesmo amor e com a mesma boa disposição

 

 

                  

 

 

 

Foto tirada da net



publicado por Maria às 21:24
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito

Sexta-feira, 26 de Dezembro de 2008
Não sei...não sei...

 

Não sei que escrever,

Não sei que dizer,

Não sei o que querer,

Não sei o que dizer,

Não sei o que fazer,

Só sei que quero rir,

Só sei que quero ouvir,

Só sei que quero saber,

Aquilo  que queria ouvir,

E nunca mais vou ouvir.

As palavras que tem para dizer,

" Olha, já tenho um novo AMOR"

Quando será que isto vou ouvir?

As horas passam a correr,

Os dias passam a fugir,

Os meses passam a voar.

E eu tenho medo de não ter

Tempo para ouvir,

Aquilo que tanto desejo saber...

 

 



publicado por Maria às 23:24
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Quarta-feira, 17 de Dezembro de 2008
O Amor dura...

 

 

Como é lindo ver que o amor dura...dura...

Conheci um casal que encanta...

Ele tem quase oitenta, será?!?!?!, podem crer que se vissem, não acreditavam, quase como eu me custa a acreditar.

Um homem bonito, alegre, bem disposto e principalmente sem nos apercerbermo-nos da idade tal não é a jovialidade que ele mostra ou melhor tem.

A esposa apesar de fisicamente não ter a mesma beleza que ele, espiritualmente nada lhe fica atrás, bem disposta, alegre, com uma genica que coloca muitas mulheres mais jovens, mais perto da idade dela apesar de terem quase metade da idade.

A vida deles dava um filme, quase como toda a nossa, umas mais que outras...

Vida vivida no mato em Angola, mas uma bela vida, depois a fuga para o Brasil, depois vários acidentes financeiros, regressam ao País de origem refazem novamente a sua vida...grande determinação que tinham para enfrentar sempre a vida e com a cara bem levantada...

Apesar de tudo, da idade, dos acidentes ao longo a sua vida, dos desgostos...o amor que os uniu quando tinham 18 anos é o mesmo que os une ainda, vê-se nos olhos deles, no carinho com que falam, com que agem...dura...dura...

 

Alguém dizia um dia que ao fim de alguns anos o amor acaba e só se " aturam" um ao outro, eu tinha a certeza, por mim,que não era assim,mas vê-lo nos outros é bom de ver...gosto de ver...

 

Felizes os que chegam a esta idade e se amam como quando tinham 18 anos, e se ouve dizer:

A minha menina é muito mimada, mas merece...

Que continuem assim sempre felizes.



publicado por Maria às 22:03
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 15 de Dezembro de 2008
Amor...

 

Amor?...

Solidão? Não

Paixão?...

Dor?...

Dor, não.

Desilusão?...

Desilusão não.

É Amor verdadeiro

Aquele que sinto por ti no meu coração.


sinto-me:

publicado por Maria às 20:05
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 23 de Outubro de 2008
O Barco da Vida

 

                      

 

 

Neste barquinho, eu queria partir á procura de um mundo novo, ver coisas que nunca vi.

Partir à procura da Felicidade, do Amor, da Sorte, da Saúde...?

Não, isso não seria justo, eu partir sozinha... Não, eu teria que levar comigo aquele que me dá tudo o que eu tenho, mas partiriamos os dois à procura sim ,de um Amor infinito e de uma vida infinita onde houvesse só Amor...Estrelas Cadentes cheias de Luz Celeste, a lua iluminando o  mar e os dois amantes eternos e o Sol aquecendo nossos corações...

 

 



publicado por Maria às 22:33
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito

Domingo, 12 de Outubro de 2008
MAR

 

Onde há mar, há encanto,

Onde há encanto há amor,

Onde há amor há flor,

Onde há tudo isto não há dor.

 

Onde há mar há vida,

Onde há vida há dor,

Onde há amor,

Há amor para tod' vida.

 

Gostava de viver no mar,

Para ser livre e viver,

Para que pudesse ter,

Toda a liberdade de amar...



publicado por Maria às 11:44
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito

Quarta-feira, 8 de Outubro de 2008
A Viagem

 

Hoje viajou comigo, um senhor já idoso, 83 anos

Queria sair em Cacela e tinha receio de passar a estação, tendo-me apercebido disso ,eu perguntei:

 

Eu_O senhor vai para Cacela?

_Sim vou. A " menina" também vai?

Eu_Sim vou.

_ Sabe...venho ver a minha filha, a minha neta e bisneta.

Eu_ Então o Senhor não é daqui?

_Não, venho de Serpa.Vim todo o dia a andar , se não venho vê-las ninguém me vai ver, ( vai ´daí e desbobinou tudo)a semana passada fui a Évora, ver as duas que lá tenho. Sabe... criei dez  filhos.

Eu_ São todos vivos?

_Não, um caiu a um poço e lá ficou. Tenho outro em Bringes, 2 em Évora,1 em Beja, outra no norte, acima do Porto ,mais 50Km.( Não sabia o nome da terra)

Eu_ Já lá foi?

_Não, é muito longe...fixou o olhar na rua e...

Não disse mais nada... as lágrimas vieram-lhe aos olhos, tive pena...para não chorar disse:

Eu_Estamos quase a chegar.Nunca veio a Cacela?

_ Sim, vim 2 vezes.

Eu_ E a filha sabe que vem?

_Não, é surpresa, quando chegar as netas dizem: ( aqui elevou um pouco mais a voz) Ai Avô, avôzinho. Sabe, a ultima vez quase me iam comendo as orelhas...e sorriu. Feliz por ir ver a família tão querida

Eu_ E veio sozinho?

_Sim, estou só, foi só fechar a porta e abalar.

Eu_ E sabe onde mora a sua filha?

_Sim sei, e apontando para a rua disse: É ali.( Mas penso que o lugar que apontou, não era o mesmo aonde se dirigia...Cacela está muito mudada...

Estávamos a chegar

Eu_ Estamos a chegar.

Sim, estamos.

Chegámos e lá saímos os dois.

Com 83 anos, mas ainda muito ligeiro, apesar de um pouco curvo, seria da idade ou do peso da enxada, do trabalho  que terá tido? Não o sei dizer...criar 10 filhos naquela altura, não devia ter sido nada fácil...

Despedimo-nos e lá seguimos...mas quando dou conta ele ia no outro passeio, penso que não saberia bem o sitio certo, é natural Cacela está mudada..., mas ia com passo determinado. Fiquei a segui-lo a ver se não se perdia...lá seguiu com o seu passo determinado e apressado, acho que ansioso por chegar perto da família, que há tanto tempo não via...

 

Tantos sacrifícios feitos pelos filhos...e para matar saudades tem que fazer um dia inteiro de viagem com 83 anos...

E os filhos, que sacrifícios fazem pelos pais???

Será que um dia me vai acontecer o mesmo?!?!???


sinto-me:

publicado por Maria às 22:47
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Quinta-feira, 25 de Setembro de 2008
Hoje vi...

 

 

Hoje vi esta frase escrita numa parede, não sei se o autor, foi quem a escreveu, ou se é um pensamento ou frase de  algum letrado, o que sei é que fiquei presa à frase e levou-e a pensar nela, não sei se estará certa ou errada, espero que alguém comente a frase

 

 

" SÓ SE AMA O QUE NÃO SE PUSSUI COMPLETAMENTE"



publicado por Maria às 21:51
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito

Quarta-feira, 24 de Setembro de 2008
A Chuva cai...

 

 

A chuva cai de mansinho

Batendo na minha vidraça

Já não vejo quem passa

Bem perto do cantinho

 

A chuva ao escorrer na vidraça

Faz-me pensar nos pobrezinhos

Sem terem lar, nem carinhos...

Nem nada, que feliz os faça

 

Olhai por eles,  Senhor

Não lhes faltais com saúde

Eles precisam da Tua ajuda

Dai-lhes também muito Amor.

 

 



publicado por Maria às 21:52
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

Segunda-feira, 28 de Julho de 2008
Meu coração...

 

 

Meu coração triste e desolado

Morre de tanta saudade

Dos tempos que já lá vão...

Saudades da mocidade...

 

São tempos que já não voltam

Por muitas voltas que demos

Os anos passados não voltam

É esta a rota que temos

 

A mocidade passou...

A velhice vai chegando...

Mas o tempo que se amou,

Esse nunca se vai apagando



publicado por Maria às 19:28
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Domingo, 27 de Julho de 2008
Amor Total

 

 

 

Amo-te tanto, meu amor ... não cante
O humano coração com mais verdade ...
Amo-te como amigo e como amante
Numa sempre diversa realidade.

Amo-te afim, de um calmo amor prestante
E te amo além, presente na saudade.
Amo-te, enfim, com grande liberdade
Dentro da eternidade e a cada instante.

Amo-te como um bicho, simplesmente
De um amor sem mistério e sem virtude
Com um desejo maciço e permanente.

E de te amar assim, muito e amiúde
É que um dia em teu corpo de repente
Hei de morrer de amar mais do que pude.

 

 

Vinícius de Moraes

 



publicado por Maria às 11:47
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Sexta-feira, 25 de Julho de 2008
A Rosa do meu quintal

 

 

A rosa do meu quintal

É bela e perfumada

De gotas de chuva adornada

Em redor, não há outra igual...

 

 

Os passarinhos querem água

Com cuidado não poisam nela

Com sede bebem as gotas d´água

E ficam a olhar para a beleza dela...

 

               

              


sinto-me: com falta de inspiração

publicado por Maria às 12:26
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

Quinta-feira, 24 de Julho de 2008
Dia da Amizade

 

 Hoje é o dia da Amizade em rede, para todos os que por aqui passarem um

 

 

BOM DIA DE AMIZADADE

 

E para todos deixo aqui esta rosa, espero que gostem  

 

 


                        rosas recados para orkut


 



publicado por Maria às 10:03
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Domingo, 13 de Julho de 2008
Hoje é Domingo

 

Hoje é domingo. Acordei tarde, o que não é normal, porquê? Não sei.

Não fui eu que acordei, acordaram-me, de levezinho, mal uns lábios frescos poisaram na minha face...

tens os lábios frescos...

sim a manhã está fresca...passa-se alguma coisa para ainda estares a dormir?!

Não, não se passa nada. Olhava para mim com um leve sorriso e um brilho nos olhos muito carinhoso...

Gosto quando me olhas assim, quando me acordas assim, amo-te e mais uma vez os seus lábios frescos poisaram na minha face e disse:

Anda, vamos tomar o pequeno almoço, que já está na mesa.

 

Obrigado  Amor

 

 


sinto-me:

publicado por Maria às 10:51
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito

Quinta-feira, 3 de Julho de 2008
Melancolia

 

 

A melancolia faz-me escrever...

 

Ontem tive saudades tuas Mamã...não estavas no telefone como todos os anos e eu que precisava de colinho,  mimos,  carinho, beijinhos, de ouvir a tua voz, mas sei que lá do alto tu estiveste a meu lado.

 

Quero amor

Quero carinho

Quero calor

Quero beijinho

Quero colinho

Quero amar

Quero que gostem de mim

Não quero tristeza

Não quero chorar

Não quero chorar

Não quero morrer

Quero viver...viver...viver

 


sinto-me: melancólica

publicado por Maria às 10:24
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

Segunda-feira, 24 de Março de 2008
Meu querido Menino

 

Meu menino amado

Meu menino querido

Queria-te outra vez pequenino

P'ra em meus braços te embalar,

Para te poder cantar,

Canções de menino.

P'ra te poder ver rir

E eu poder também sorrir

Queria poder enxugar

Tuas lágrimas de tristeza

Meu menino amado

Queria ouvir segredos teus

Queria confiar-te os meus

Sem que houvesse tristeza

Meu menino querido

Fada eu queria ser

Para te poder dar,

 todo o amor do  mundo...

Meu menino amado

Meu querido menino

 

 

 

 


sinto-me:

publicado por Maria às 19:31
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quarta-feira, 19 de Março de 2008
Dia do Pai

 

Para ti Papá, que perguntavas sempre quando é que havia um Dia do Pai.

Nesse tempo não havia dia do Pai especifico, era todos os dias, e era porque estavas sempre presente, mesmo trabalhando muito, estavas presente, quando de ti precisávamos , não havia o consumismo de agora, não havia o stress, mas havia Amor, havia Presença, havia Carinho, havia Compreensão, havia Tudo quanto uma filha precisava, por isso todos os dias era Dia do Pai.

 

TU que partiste ainda quase na juventude, e que de Aí de cima nos vês...sabes que te amávamos muito, e não te esqueças de Pedir ao Senhor por nós, para Ti Papá um "BEIJO " da tua Filha, pois aí onde moras, não há prendas compradas, mas há todos os dias que nos lembramos de TI e isso podes crer é a MAIOR PRENDA que um filho pode dar a um PAI, é nunca se esquecer dele.


sinto-me: com saudades do Meu Papá

publicado por Maria às 09:31
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Sábado, 15 de Março de 2008
Acaricia

 

 

                                    

                           

 

 

 


sinto-me: vazia

publicado por Maria às 20:40
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

Quarta-feira, 5 de Março de 2008
Perdida

 

 

Ando perdida no mundo

Não sei em que mundo vivo,

Não tenho a certeza quem sou...

Perdida no   mar profundo,

Não sei para onde vou...

Vou procurar saúde, paz e amor

Tudo o que desejo na vida...


sinto-me: sem inspiração

publicado por Maria às 15:23
link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito

Quinta-feira, 28 de Fevereiro de 2008
DO CIMO DA SERRA

 

 

 

 

Subi ao cimo da serra

Para ver se via a vida

Mas a vida eu não vi,

Nem a vida, me viu a mim.

Mas, vejo vales e montes,

Rios a correr para o mar.

Vejo igrejas e fontes,

Vejo árvores em flor,

Mas ninguém para amar...

Vejo campos a verdejar

Vejo o Sol a nascer

E também o vejo a pôr

Só não vejo o meu amor

Que já não se lembra de mim.

 



publicado por Maria às 22:32
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2008
Amor
O Amor é lindo
Quando é verdadeiro
Quando vivido a dois
Com o mesmo sentimento
Unidos num momento
Num beijo verdadeiro...

sinto-me:

publicado por Maria às 13:34
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2008
Declaração de Amor

Declaração de Amor à Algarvia com Alentejana à mistura

Desda velhaca da acefa, que ficástes escarrapachada na minha alembradura.
Condólho pra ti com esses bêços de mula, o mê coração prega purradões nas costelas, parece um trator a arrencar ecalitos naquela charneca. Se mamáres comé támo, se macháres comé tácho vamos pedir ao té pai quacête o nosso acasalamento.
Gosto de ti, porra!
Dá-me um bêjo, atão!
 

______________________________________________________________________

Como me queixei de falta de inspiração o meu querido amigo e colega do EAM, Gonçalves enviou-me este email



sinto-me: Algavia e Alentejana

publicado por Maria às 10:07
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

O que sou? O que não sou.Sou como sou.
posts recentes

"Nuvem Negra "

Foi há 43 anos

Hoje é dia 18 de Outubro

Ao Acaso

Como é bom amar

Não estava à espera

Dia de S. Valentim

Amor...

Foi há 42 anos...

Não sei...não sei...

links

Ocaso... Ao Acaso...
Ocaso... Ao Acaso...


Selo

(Usa Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)
as minhas fotos
blogs SAPO
subscrever feeds